Presas Fáceis


Vítimas de falsas promessas, brasileiras são aliciadas pelo tráfico internacional de pessoas e colocam o País como o maior exportador das Américas. Sem saber, elas embarcam numa viagem de exploração sexual, violência e escravidão.

Elas são jovens, negras largaram a escola cedo, moram em regiões precárias e são vítimas de violência doméstica. Vulneráveis, essas mulheres são o alvo principal do tráfico de pessoas. E por se encontrarem em um contexto de fragilidade são as pessoqas perfeitas para exploaração sexual promovida por aliciadores, que convencem as vítimas com falsas promessas de uma vida melhor e cheia de sonhos no exterior. Todos os anos, cerca de 60 mil brasileiros são vítimas do tráfico internacional de pessoas, segundo o ministério da Justiça.

Nesse cenário, o Brasil é o maior exportador de mulheres  das Américas, de acordo com a Organização Internacional do Trabalho (OIT). As brasileiras e as nascidas nos países do leste europeu estão entre as mais traficadas no comércio mundial para serem exploradas sexualmente. " O tráfico de pessoas é uma forma moderna de escravidão. Hoje se escravizam pessoas por dívida. Os traficantes mantêm o poder sobre elas, que devem as pasagens, a estadia e a alimentação, fazendo com que se submetam ao que eles querem.

Exatamente o que aconteceu com Kika Cerpa, que foi convencida pelo namorado a arranjar um emprego em Nova York, nos Estados Unidos. Aos 20 anos, quando chegou á cidade, a venezuelana descobriu que na verdade ele havia planejado com um primo vendê-la como prostituta a aliciadores Leia o relato parecido de duas brasileiras. "Quando cheguei a Nova York, pegaram meu passaporte e meu dinheiro. A primeira noite foi pior. Tive que dormir com 19 homens",contou durante um encontro da UNODC na rede da ONUN, na cidade norte-americana.

PERFIL DA ALICIADA:
Tem entre 18 e 30 anos, a maioria é afrodescendente, é mãe solteira, tem baixa renda esolaridade, além de histórico de prostituição e de violência doméstica.
Como é feito o aliciamento:
Normalmente é feito por pessoas com alto poder de persuasão, seja ao vivo-em buscas feitas em prostíbulos, casas de dança, hotéis e restaurantes- ou em anúncios na internet e em jornais. Eles buscam pessoas de origem humilde e/ou que precisam de emprego e oferecem vagas de dançarina, acompanhante de idosos, modelo, babá ou recepcionista com "retorno rápido, alto e garantido". Além disso, garantem financeiramente o trâmite dos documentos necessários, a passagem área e moradia.

COMO É FEITA A VIAGEM:
Na maioria dos casos, as aliciadas entram pelas vias normais no país, com documentos legais, e passam despercebidas pela imigração. Já que são orientadas a falar que estão no país a turismo. É comum os aliciadores darem uma roupa nova e dinheiro para que as mulheres passem tranquilamente pela imigração.

A CHEGADA E A  ESTADIA:
Ao chegar ao destino, a vítima é esperada ao aeroporto e encaminhada ao alojamento. Lá, tem seus documentos e dinheiros confiscados pelos traficantes, é informada que tem uma "enorme dívida a quitar" e é submitida a trabalho sexual escravo. É comum que viva em regime fechado, normalmente no bordel onde trabalha, para que não fuja ou denuncie os aliciadores. Pode fazer telefonemas para a família, mas é acompanhada por um segurança. Vive sob constante ameaça de morte, caso fale sobre a exploração. Há relatos de bordéis que contam com câmeras de seguranças para manter o controle.

O QUE FAZER:
ONGs que ajudam estas mulheres relatam que a maoioria tem de fugir dos alojamentos. Algumas contam com ajuda de clientes, que normalmente não sabem que elas são vítimas de exploração sexual e não estão ali por livre e espontânia vontade. Outras contam com a sorte de serem encontradas pela polícia, quando são desmontadas redes de tráfico que passam anos sendo investigadas. A vítima não teve medo de procurar a polícia, mesmo estando ilegalmente no país. A ONU esclarece: "Você viaja, seus direitos viajam com você".
A vítima receberá proteção e será devidamente deportada ao país de origem.

SAÚDE POR UM FIO:
As vítimas de tráfico de mulheres vivem em péssimas condições e quando conseguem retornar ao Brasil chegam muito doentes. Essa é a conclusão de uma pesquisa coordenada pelo proessor do Departamento de Serviço Social da Universidade de Brasília, Mário Ângelo Silva. "Elas vivem numa situação de enorme vulnerabilidade. São escravizadas e as condições de habitação e alimentação são muito precárias. Normalmente contraem HIV, engravidam, têm os bebês em condições arriscadas ou praticam abordos inseguros", reforça o professor. Muitas ainda sofrem com a dependência química, já que a associação entre tráfico de pessoas e o de drogas é muito comum.
Fonte: Folha Universal
10/07/2011
Texto: Raquel Maldonado e Talita Boros

Compartilhe esse post com seu amigos

11 comentários:

  1. Infelismente é isso que acontece com as mulheres quando vão para o exterior, elas pensam que vai mudar de vida ganhar dinheiro, e no final não é aquilo, as mulheres tem que ter mais cuidado quando ler esses anúncios de emprego no exterior, sempre é uma furada,excelente postagem Lu, esse é um aviso para todas as mulheres, beijocas Lu.
    Vanessa do twitter.

    ResponderExcluir
  2. amiga, obrigada por visitar minha pagina e por seu comentário carinhoso!
    sobre o post
    mulheres, mulheres, não caiam nessa roubada, td que vc precisa esta aqui ao seu lado!

    bjsss

    ResponderExcluir
  3. Querida amiga voltei. Venho te desejar um 2012 repleto de saúde e de amizades boas e verdadeiras.
    Que você consiga realizar todos os seus projetos e concretizar todos os seus sonhos.
    Que durante todo esse ano nossa amizade forme laços muito mais apertados.
    Agradecida pelas palavras carinhosas.
    Beijos de calêndula em seu coração.
    Lua

    ResponderExcluir
  4. Olá, venho agradecer pela visita. E o motivo de eu estar postando desenho para colorir é justamente aquilo que você falou, que é ocupar a mente das crianças, e outra coisa, com esse tempo com chuva não dar pra sair, aí a mãe vai até o computador e tira o desenho para o filho colorir, e vira uma forma de passa tempo.

    abraço e fica com Deus.

    ResponderExcluir
  5. Olá!!!!
    Passando pra desejar um feliz 2012 cheio de paz, saúde, prosperidade e muito sucesso pra vc e toda sua família.


    Bjuuuuuuuuuuus

    ResponderExcluir
  6. Olá Lucimar Minha Querida Amiga!!!

    Saudade de Você...
    Espero que esteja tudo bem, Feliz 2012...

    Noite de Paz para Você!!!
    1000 Beijokinhas

    ResponderExcluir
  7. Olá,

    Vim retribuir sua visita e desejar um 2012 com muita paz, saúde, alegrias e sucesso, beijos!

    http://mimosdagraca.blogspot.com

    ResponderExcluir
  8. Lucimar, ótimo Post, adorei o blog estou seguindo

    Me visite, tambem sou do blogueiras unidas

    www.agape-amorverdadeiro.blogspot.com

    e
    www.patyiva.blogspot.com

    bjos, Deus Abençoe!

    ResponderExcluir
  9. É realmente terrível essa realidade, muitas saem com sonhos e se deparam com pesadelos.

    Lucimar, não sei o que aconteceu mais estou sumindo de alguns blogs, rsrs.
    Esta parando de seguir automaticamente, voltei a te seguir, mais minha "fadinha" não apareceu.
    Bom final de semana.
    Beijos de luz.
    Lua

    http://www.luasnegra.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  10. Olá, amiga!! Passando p informar q já lançamos a 2ª etapa da promo Top Comentaristas! Estaremos sorteando brindes diversos a cada 2 ou 3 meses entre os seguidores q mais comentarem! Esse mês o prêmio foi um livro e quem ganhou foi a Sheyla, parceira Vou-de-Blog, e dona do blog http://blogdmulheres.blogspot.com/
    Bjinhos.
    Lu

    www.voudeblog.com

    ResponderExcluir
  11. Oi flor, vim retribuir sua visita e achei teu blog super útil e inteligente, ja estou te seguindo.

    Gostaria de te convidar pra conhecer o blog da minha filha, ela esta começando mas já da sinal de muito talento;
    http://antitese.outtamind.com/

    bjus
    hptt://cafeecetim.blogspot.com

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...